Críticas, sugestões de pauta e parceria comercial: 
Whatsapp: 92 99248-8080​
Ou via e-mail: mail@blogdaamazonia.com
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Twitter
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Flickr
  • Preto Ícone SoundCloud
Copyright © 2017-2019. AMAZÔNIA COMUNICAÇÃO E EVENTOS LTDA. - Todos os direitos reservados.
CNPJ (MF) 28.140.273/0001-50

Você no Blog da Amazônia!

Aconteceu alguma coisa na sua comunidade? Chama a gente. Envie fotos, vídeos, sua denúncia, crítica ou sugestão.

Nosso Whatsapp: 92 99248-8080 Adiciona a gente aí!

Laudo isenta motorista de BMW de culpa em acidente que matou sargento da PM

02/03/2018

 


Vinte dias após o acidente que resultou na morte do sargento PM Antônio Sérgio Ramos dos Santos, atropelado pelo empresário Clóvis de Oliveira Maia Filho, o titular da Delegacia Especializada em Acidentes de Trânsito (Deat), Luis Humberto Monteiro, concluiu e encaminhou o inquérito à Justiça.

De acordo com ele, todo o procedimento foi baseado nos dados constantes no laudo técnico, elaborado por peritos da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), que, segundo o delegado, isentam o motorista de culpa no caso.

Conforme a SSP-AM, o laudo não cita irregularidades ou imprudências por parte do motorista da BMW. O documento relata ainda que houve um “desvio direcional à esquerda por motivo indeterminado” do sargento, ou seja, Ramos entrou na pista oposta, indo em direção ao carro.

“O laudo é bem completo. Hoje, o Instituto de Criminalística é de uma credibilidade total. Não há o que contestar. Os documentos são resultantes de investigações muito rigorosas e detalhadas, com todas as especificações técnicas necessárias. Como o sistema é digitalizado, estou mandando hoje (ontem) para a Justiça”, disse o delegado, referindo-se à Vara Especializada em Crimes de Trânsito, que fica no Fórum Henoch Reis e cuja titular é a juíza de Direito Luiza Cristina Nascimento da Costa Marques.

Com o documento em posse da Justiça, caberá a ela definir sobre o prosseguimento do processo contra Clóvis de Oliveira Maia Filho. Ele já foi indiciado por homicídio culposo - quando não há intenção de matar. 

 

Com informações do portal AC

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Curtir
Please reload

DESTAQUES

PAC recebe Prêmio Top Marketing Empresarial

05/12/2019

1/10
Please reload

POSTS RECENTES