Você no Blog da Amazônia!

Aconteceu alguma coisa na sua comunidade? Chama a gente. Envie fotos, vídeos, sua denúncia, crítica ou sugestão.

Nosso Whatsapp: 92 99248-8080 Adiciona a gente aí!

Projetos prioritários do Idam pretendem ampliar atividades com potencial em Careiro da Várzea

12/10/2019

 

O município de Careiro da Várzea (distante a 26 quilômetros de Manaus) apresenta entre as principais atividades a pesca e o cultivo do abacaxi com aproximadamente 700 famílias envolvidas, e receberá reforço com as ações dos Projetos Prioritários lançados pelo Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), nesta sexta-feira (11/10), na sede da Câmara Municipal.

Para o município, o Idam irá trabalhar além da atividade de pesca e cultivo do abacaxi, as cadeias produtivas da bovinocultura, milho, feijão e cultivo de produtos orgânicos. O objetivo é fortalecer as atividades selecionadas por meio da assistência técnica, qualificação e profissionalização dos beneficiários, inserção de novas tecnologias, como também, incentivo ao crédito rural e apoio à comercialização.

De acordo com a diretora-presidente do Idam, Eda Oliva, esses projetos irão incentivar o aumento da produção em várias atividades. “Queremos estimular o agricultor familiar e produtor rural para que eles possam agregar valor ao produto, aumentar a produção e produtividade, e trabalhar de forma legalizada, como é o caso da madeira manejada. Nossa missão é levar orientações, uma assistência técnica qualificada e prestar todo apoio para que eles possam acessar às políticas públicas disponíveis para o setor”, destacou.

Para a gerente do Idam em Careiro da Várzea, Alcelene Salerno, é importante trabalhar com prioridades para que seja possível alcançar excelentes resultados. “Esperamos que nossos produtores, pescadores e representantes de associações possam captar a essência dos projetos e todo trabalho que iremos desenvolver, a partir de agora, para essas cinco atividades. Não vamos deixar de atender outras atividades que já são desenvolvidas no município, mas iremos priorizar as cadeias produtivas contempladas nos projetos”, explicou.

Ao todo, os projetos contemplam 21 cadeias produtivas criteriosamente selecionadas pelo Idam e que serão desenvolvidas em todos os municípios do Amazonas. A meta é atender mais de 30 mil beneficiários até 2022.

Participaram do evento o secretário municipal de Pesca e Aquicultura, Aldo Procópio, o secretário municipal de Meio Ambiente, Raimundo Passos, o vereador e presidente da Colônia de Pescadores, Waldemiro Falcão, o engenheiro agrônomo da Secretaria de Produção Rural (Sepror), José Portugal, o diretor de Planejamento Institucional do Idam, Armando Jorge, o diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural do Idam, José Milton, pesquisadores da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Marcos Garcia e Nilton Guimarães, além de lideranças de agricultores e coordenadores dos Projetos Prioritários.

Cultura do abacaxi – Em 2018, conforme dados do Idam, Careiro da Várzea produziu sozinho cerca de 6 milhões de frutos de abacaxis. O município também registra o cultivo do fruto em sistema orgânico, a exemplo do agricultor Jorge Luiz dos Santos, de 54 anos, da comunidade Peniel do Areal, km 4,5.

“Estou com boas expectativas e temos certeza que mais uma porta está se abrindo. Aqui no município precisamos de técnicos, e com a execução desses projetos teremos a presença deles acompanhado nossas atividades” disse Jorge, ao destacar que atualmente cultiva aproximadamente 70 mil pés de abacaxi em uma área de 47 hectares.

Mais informações: Assessoria de Comunicação do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam): Renata Magnenti (99178-5486) e Paula Vieira (92) 99349-1851. 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Curtir
Please reload

DESTAQUES

Polícia Militar, por meio da Rocam, detém dois suspeitos por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas, na zona oeste

12/01/2020

1/10
Please reload

POSTS RECENTES