Críticas, sugestões de pauta e parceria comercial: 
Whatsapp: 92 3667-4126 / 99248-8080​
Ou via e-mail: mail@blogdaamazonia.com
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Twitter
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Flickr
  • Preto Ícone SoundCloud
Copyright © 2017-2020. AMAZÔNIA COMUNICAÇÃO E EVENTOS LTDA. - Todos os direitos reservados.
CNPJ (MF) 28.140.273/0001-50

Você no Blog da Amazônia!

Aconteceu alguma coisa na sua comunidade? Chama a gente. Envie fotos, vídeos, sua denúncia, crítica ou sugestão.

Nosso Whatsapp: 92 99248-8080 Adiciona a gente aí!

Estreia e conquistas marcaram Grand Slam de Jiu-Jitsu no sábado

03/12/2019

 

 

A segunda edição do Grand Slam de Jiu-Jitsu Esportivo Gi e NO Gi, que aconteceu no último sábado (30/11), reuniu cerca de 800 atletas e marcou o encerramento do calendário esportivo da modalidade. O torneio foi realizado pela Federação Amazonense de Jiu-Jitsu Esportivo (Fajje) e contou com o apoio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto.

 

Com premiação em dinheiro e medalhas para os atletas, a competição premiou as três primeiras equipes e municípios colocados. Na categoria por equipes, a campeã foi GF Team, seguida do time Lucivam Alves. Em terceiro lugar, ficou Gracie Barra.

 

Já entre os municípios, subiram ao pódio Barreirinha, que conquistou o primeiro lugar; Itacoatiara, que ficou na segunda posição; e Manacapuru e Iranduba, que dividiram a terceira colocação da disputa.

 

Um dos destaques do Grand Slam foi Mica Galvão, que com apenas 16 anos estreou a recém-graduação na faixa roxa no campeonato. Para o pai e treinador, Melquisedeque Galvão, as conquistas alcançadas pelo filho cumpriram as expectativas em torno do jovem, que atua na modalidade desde criança.

 

“Mica é um atleta conhecido em vários lugares do mundo, iniciou no jiu-jitsu desde pequeno. Havia uma grande expectativa de como ele se sairia e, felizmente, ele não sentiu nenhuma pressão, conseguiu finalizar todos os seus adversários e não sofrer nenhuma penalização”, enfatizou. 

 

O atleta Claudevan Martins conquistou três medalhas de ouro, entre elas na categoria Faixa Preta Master. Ele falou sobre o seu desempenho na competição que envolveu atletas de todo o estado. “Realizei quatros lutas no total com oponentes diferentes e finalizei todos. As lutas que disputei foram duras, com grandes nomes do jiu-jitsu amazonense”, disse.

 

De acordo com o presidente da Fajje, Luiz Netto, o evento fechou de forma satisfatória o ano de 2019 na modalidade, e a federação já trabalha no cronograma de competições para 2020, visando o crescimento do esporte entre os jovens.

 

“Estamos satisfeitos com essa edição e focados no próximo evento, que será em fevereiro de 2020. Nossa meta é sempre estar em um crescente na realização de eventos, para cada vez mais promover o esporte com qualidade e motivar os atletas do Amazonas a se interessarem cada vez mais pela modalidade”.  

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Curtir
Please reload

DESTAQUES

Polícia Militar, por meio da Rocam, detém dois suspeitos por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas, na zona oeste

12/01/2020

1/10
Please reload

POSTS RECENTES