Você no Blog da Amazônia!

Aconteceu alguma coisa na sua comunidade? Chama a gente. Envie fotos, vídeos, sua denúncia, crítica ou sugestão.

Nosso Whatsapp: 92 99248-8080 Adiciona a gente aí!

No Dia da Pessoa com Deficiência, Sejusc oferece serviços de cidadania e qualidade de vida à população

04/12/2019

 

 

Em alusão ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, comemorado em 3 de dezembro, a Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) realizou, durante a manhã desta terça-feira (3/12), uma série de atividades sociais voltadas ao público PcD e familiares no Centro Estadual de Convivência da Família Magdalena Arce Daou, bairro Santo Antônio.

 

Entre os serviços oferecidos à população pelos parceiros e equipes multidisciplinares da secretaria estavam: emissão de primeira e segunda via de RG, certidão de nascimento, cartão de estacionamento, cartão de transporte interestadual e intermunicipal, orientação jurídica, emissão de laudos, encaminhamentos odontológicos, além de atendimentos com neurologistas, fisioterapeutas e técnicos de enfermagem.

 

Outro destaque foi um espaço reservado ao projeto de cinoterapia da Sejusc, em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM). Nessa modalidade terapêutica com foco na socialização, cães atuam como promotores de bem-estar e qualidade de vida, principalmente entre as crianças.

 

Para a secretária executiva do Núcleo de Atendimento à Pessoa com Deficiência da Sejusc, Joice Mota, o dia 3 de dezembro é uma data importante para que a sociedade tome consciência dos direitos e da necessidade de inclusão das pessoas com deficiência (PcDs). “Não (basta) só comemorar o dia de hoje, dia 3 de dezembro, mas que a gente inclua esse dia todos os dias no nosso cotidiano”, disse.

 

Segundo ela, a Sejusc vem atuando para implementar melhorias no cotidiano dessa população por meio da oferta de serviços e acessibilidade. Mas os projetos da pasta vão muito além.

 

“Os planos da nossa secretária titular, Caroline Braz, é ampliar esse serviço para que não fique só na data comemorativa. Que fique na prática todos os dias a pessoa com deficiência ser incluída na nossa sociedade. Um dos projetos é fazer um PAC (Pronto Atendimento ao Cidadão) PcD lá onde funciona a (nossa) sede e levar também para o interior. Os nossos ribeirinhos são realmente necessitados. Então, nós vamos fazer também um PAC itinerante, entre outros projetos que ela pretende executar”, adiantou Joice.

 

Cidadania e inclusão – Responsável pelo setor de atendimento e cadastro de PcDs na Sejusc, Magno Sancho marcou presença no Centro de Convivência Magdalena Arce Daou, nesta terça-feira, para receber o público que buscava obter o cartão de passe livre no transporte coletivo municipal, intermunicipal e interestadual. De acordo com ele, esse e outros serviços são oferecidos de forma contínua na sede do núcleo da secretaria, localizado na rua Salvador, 456, Adrianópolis.

 

Sancho tem sequelas de poliomielite desde os 2 anos de idade e sempre se envolveu com ações sociais. Para ele, uma data dedicada à reflexão sobre a inserção da Pessoa com Deficiência na sociedade ainda é de extrema importância. “O que falta mesmo é o amor, é o respeito. O dia, sim, é muito importante para que a gente faça essas ações, chamar a população e dizer ‘Ei, tem um segmento, tem a Pessoa com Deficiência, elas existem, não vamos excluir’”, frisou.

 

Úrsula Souza acompanhou o evento junto com o filho Gabriel, de 15 anos, e elogiou a iniciativa. “Estou achando um evento muito bonito, porque raramente a gente encontra eventos para pessoas com necessidades especiais, então esse evento é muito importante para nós, que somos mães, e para eles saírem um pouco de casa”.

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Curtir
Please reload

DESTAQUES

Polícia Militar, por meio da Rocam, detém dois suspeitos por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas, na zona oeste

12/01/2020

1/10
Please reload